E-I;C-3;Ato I

 

Episódio I

Capítulo 3

Ato I

[Ato I]

#Holopedia Galáctica Online…Search Engine Ready#

[Quadragésimo primeiro dia do reinado da Imperatriz Amidala]

#News Ticker: Demissão do quinto Governador pela Imperatriz causa furor entre as Castas de Krypton; Forças Unificadas controlam levantes em Contruum e Taboon; Kashyyyk ainda tem ondas de violência#

[Axxilla #Planeta mais importante do Setor Gothanian. Abundância de Torres e superestruturas# – Antes do Amanhecer]

[TIE Courier Wraith Assaulter]

No dormitório do TIE Courier, Guilherme Exxar’Khun #Darth Revan; Byssian; Mestre Legendário da Força, Guerreiro de Elite# acendeu uma das lâmpadas com o gesto da Força. A luz fraca iluminou a escuridão do quarto. Ele olhou para a forma bela, adormecida e desnuda de Penny Pallopides #Emerald Princess; Ekronian; Poderes Conferidos pelo Olho Esmeralda#, confortavelmente abraçada ao Sith, usando o peito dele como travesseiro. Exxar’Khun levou uma mão ao rosto, coçando os olhos e então, levando sua mão ao ombro dela, ele a balançou de leve..

  • Princesa… – O Sith falou.

Ela não esboçou nenhuma reação, e continuou abraçando-o…

  • Princesa… – Ele a chamou, e num tom mais carinhoso – Penny…

Desta vez ela esboçou uma reação, fazendo uma cara de desagrado, deixando de abraça-lo e virando-se de costas, ao mesmo tempo que ela murmurou com uma voz sonolenta:

  • …mais amor agora não… – A Princesa Ekronian falou – … mais tarde…

Guilherme não pôde evitar sorrir diante da atitude mimada de Pallopides, que apesar de ser uma guerreira formidável, era em muitos outros sentidos, uma menina, em um corpo delicioso e de pele macia, mas uma menina… O Sith se inclinou, beijando o corpo dela, só para provocar, da base da nuca seguindo sua coluna até abaixo da cintura. Ele sentiu uma satisfação vitoriosa em ver os pelos dela se eriçarem e a boca entreaberta da Princesa emitir um gemido involuntário, seguido de um sorriso de quem gostou de ser beijada e ouriçada….

O Sith deixou sua bela amante na cama, e não mexeu mais nela, para evitar acorda-la… Silencioso como a criatura de sombras e furtividade que ele era, o Sith levantou-se desnudo, e colocou suas peças de roupa. Sem emitir o mínimo barulho… Ele cobriu a Princesa adormecida com o lençol e deixou o quarto. Do lado de fora, o Olho Esmeralda de Ekron #Origem desconhecida; Indestrutível, Rajadas de Energia, Voo espacial, Vasta Gama de Habilidades#, flutuando ordeiramente ao centro da sala, parecia adormecido, mas se moveu seguindo o movimento do Sith por um momento, perdendo o interesse logo em seguida e voltando a fitar o quarto onde a Princesa estava.

O Sith desceu pela escada em espiral onde ficava a cozinha e o refeitório. As luzes no deck inferior já estavam acesas, e Alana Mallor #Darkstar; Talokian; Tenebrosidade Legendária, Corpo de Sombras, Teleporte, Guerreira Legendária# já estava lá acordada. Guilherme sabia que a Talokian era madrugadora como ele, e como e costume, sabendo que os dois seriam os únicos acordados por mais uma hora pelo menos, ela estava como de costume, vestida com um uma camiseta regata e um short de ginástica minusculo e revelador.

Ao notar a presença do Sith, A Talokian, que estava debruçada sobre a mesa, lendo um padd e tomando um café, debruçou-se de forma sensual, quase erótica por cima da mesa, retirando sua toalha de cima da cadeira a sua frente. Guilherme sabia e conhecia intimamente o corpo atlético e esbelto de Mallor, mas era sempre um prazer observar a graciosidade e sensualidade que exalavam da Campeã das Sombras de Talok VII, especialmente sabendo que ela fazia de propósito só para ela. Ela sorriu para ele de forma marota e falou:

  • Pode sentar aqui, Gui– Alana falou, sentando-se de novo – Ou você pode sentar na minha cadeira.

  • E onde você iria sentar então se eu pegasse sua cadeira? – O Byssian perguntou, já imaginando a resposta.

Ela debruçou-se na mesa olhando para ele, com o rosto apoiado nas duas mãos e dando ao Sith uma visão privilegiada de seu busto…

  • Não sei… no seu colo, quem sabe? – Ela provocou.

Exxar’Khun sorriu, se aproximando da Talokian, e inclinando-se, ele deixou seu rosto chegar a meros centímetros do dela. Alana sorriu com uma malícia predatória sentindo a respiração do Sith em seu rosto e disse:

  • Ou nós podemos deixar as gentilezas de lado e usar a mesa… – Mallor disse.

  • Não obrigado. – Guilherme falou, levantando-se e pegando uma toalha seca que estava dobrada de forma ordeira. – Eu vou tomar um banho.

  • Hum… melhor ainda… – Alana falou. – Eu estou precisando mesmo de ajuda pra esfregar minhas costas…

O Sith olhou para a cara cínica e maliciosa da Talokian em silêncio por um momento, e se virou caminhando na direção do chuveiro. Mallor observou Exxar’Khun passar pela porta que levava ao banheiro, e ela sorriu de forma maliciosa ao ver que ele não havia fechado a porta…. A Talokian tomou mais um gole do seu café, caminhou na direção do chuveiro…

[45 minutos depois….]

Alana Mallor estava acabada, mas extremamente satisfeita… ela sentou no colo de Gui Exxar’Khun, que estava sentado no pequeno assento do chuveiro. A Talokian era grata por Exxar’Khun ter entre seus inúmeros talentos, a capacidade de suprimir o som através da Força, que foi o único motivo pelo qual a nave inteira não acordou com seus gritos e gemidos. Mas não que ela se envergonhasse disso, pelo contrário. Ela tinha orgulho em cada declaração de prazer, cada grito ecoado, cada marca deixada em seu corpo por seu amante, e especialmente, quando ele a celebrava com seus lábios, percorrendo cada centímetro de seu sua pele cobalto. Aquela era apenas a segunda vez na semana que ela havia feito amor com Revan, e a Talokian estava realmente surpresa com o auto-controle do Sith, que nos tempos antigos mal lhe deixava sair da cama dele quando os dois estavam juntos.

Ela recostou sua cabeça no ombro do Byssian, que estava provavelmente fazendo uma de suas meditações, ao que ela tentou provoca-lo roçando seu corpo nú no dele, mas sem sucesso. A Talokian sorriu, com a lembrança do quase episódio quase traumático quando, enquanto o Sith estava de joelhos levando-a a loucura e ela estava de pé, agarrada nas paredes, ela abriu os olhos e viu o bendito Olho Tarado de Ekron olhando diretamente para ela… ‘Pobre Gui’ ela pensou, ao que ela quase esganou o Sith com suas pernas ao que ela gritou de susto. Felizmente, Revan saiba exatamente como lidar com o Voyeur de plantão, expulsando-o do chuveiro. Mas daí a chegar no ponto onde eles estavam demorou mais 10 minutos, e por isso a exaustão…

  • Qual a graça? – Guilherme perguntou, abrindo os olhos e vendo o sorriso na cara da Talokian.

  • O Olho…. – Ela falou, sabendo que para bom entendedor, meia palavra bastava…. – Ô trocinho tarado, viu…

  • Ele é curioso… – O Sith respondeu – Ele provavelmente notou que eu usei a Força aqui, e veio ver o o que era a fonte da energia.

  • Ah, sim… a barreira de som… – Mallor falou, entretida – Pobres Penny e Karlla… elas morreriam de susto se ouvissem meu Canto de Amor.

Exxar’Khun riu com o eufemismo da Guerreira, e falou:

  • Alana, qualquer homem normal teria sofrido perfuração nos tímpanos se estivesse aqui com você. – Guilherme falou.

Ela virou-se para ele, entrelaçando seus braços no pescoço do Sith e falou:

  • É por isso que eu escolhi estar com você e não um macho patético como existe uma infinidade na galáxia. – A Campeã das Sombras falou.

Ela beijou os lábios dele e ele respondeu, mas não permitiu que ela continuasse, ao que ele a lembrou:

  • Já-já elas devem acordar. É melhor terminar este banho logo por que nós temos um longo dia adiante. – Exxar’Khun falou.

Alana olhou nos olhos do Sith, e sem protestar, se levantou e pegou o sabão… Os minutos seguintes foram realmente somente um banho, e logo os dois estavam saindo do chuveiro… basicamente Exxar’Khun vestiu sua roupa, que ele havia colocado no auto-cleaner e estava fresquinha, e Mallor pegou a sua roupa que ela já havia deixado no banheiro somente para o caso dele lhe resistir, ela pelo menos o incitar trocando de roupa na frente do Byssian…

Anúncios

7 Comentários

Arquivado em FW 1.0

7 Respostas para “E-I;C-3;Ato I

  1. Penny

    OMG! E eu achei que você estava brincando quando disse que o capítulo começava com minha personagem na cama com Darth Raven! LOL. Coitada! Ficou acabada! E esse Guih… tsc tsc tsc. Se bem que não tem mesmo como negar fogo para uma tarada como a Alana! LOL.

  2. Vinnie

    achou que eu tava brincando eh?

  3. Helena

    Guilherme vai morrer lendo isso! kkkkkkkkkkkkkkkkAdoro começos calientes! Nossa! E o olho!!! kkkkkkkkkkkkkEssa missão tá muito hot! 🙂

  4. Helena

    Ah, Darth Vynn isso me lembrou uma coisinha… Milord tá me devendo a inauguração da Suíte Imperial!!!ãhã! eu não esqueci!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk 🙂

  5. Vinnie

    Tah no forno, Musa das Fanfics… eu entrego essa semana…

  6. Helena

    Oba!!Eita!!! kkkkkkkkkkkkkk 🙂

  7. Igor

    Muito caliente! kkkkkk

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s